1.8.05

mãe de liquidificador

fim de féias, ufa! preciso trabalhar.

foram dias maravilhosos, ensolarados e com ventinho gelado, mas graças a ele deu pra brincar bastante de pipa. visitar as avós e ter que pôr agasalho. cinemas com amigos, mas ainda não deu pra ver tudo. muita bola, muita praia e muito parquinho de areia. bicicleta e skate. churrascos e pizzas. faltou o passeio de bonde, mas teve o passeio ao Caros Amiguinhos – no casarão da rua Frei Gaspar. idas ao homeopata e ao shopping. roupinhas novas, humm. Tudo muito bom, não posso reclamar, mas parece que eu sai de um liquidificador tamanha dor nas costas...

ps. o Mateus podia ter escrito este post, só a última frase penso que seria diferente:
"... putz, não aguentava mais a minha mãe."

leiam:
BANHEIRA VERDE de Fabrício Carpinejar

Nenhum comentário: